Eu me desenvolvo e evoluo

11:20

Hoje meu irmão foi meu motivo de inspiração e reflexão. Meu pequenino irmão, que hoje é mais alto que a irmã mais velha e coruja. Ele traria uma imagem que simplesmente perfurou meu ego. Muitas vezes isso é preciso. A imagem dizia: "Não se importe nunca com o tamanho da plateia", com um garoto tocando flauta e apenas um pequeno gato lhe admirando. Quis me enxergar nessa imagem, será que eu me importo com a plateia? Sim, eu me importo. Fui honesta comigo mesma analisando os pontos, olhando pra dentro de mim. Sei que não é fácil não obter admiradores daquilo que mais se gosta de fazer, que no meu caso é escrever. E apesar de ter obtido uma pequeníssima plateia, minha ambição me cegava, fazendo com que achasse aquilo pouco. Mas será que isso é errado? Normal, talvez seja só mais alguma coisa em que estou errada. Apesar de não possuir uma grande plateia, sempre desejei tê-la. Ter reconhecimento de um possível dom.


Quando iniciei o blog na verdade não esperava plateia. Achava que ninguém entenderia e gostaria dos textos  um tanto paranoicos. No começo houve uma pequena plateia, não no blog em si, mas pessoas que nem sonhavam que eu escrevia me mandaram mensagens no Facebook e Twitter me parabenizando, alguns desconhecidos também. Depois comecei a visitar blogs conhecidos e via o reconhecimento que elas recebiam. Nunca senti inveja, mas desejei ter um pouco de reconhecimento. Não que eu queira pessoas dizendo que me ama. Só quero alcançar uma pequena plateia que realmente sinta o que eu senti na hora de escrever, que deixe sua outra forma de enxergar os textos, que eu some a ela, e ela a mim. As vezes nos focamos tanto em querer agradar uma grande plateia que passamos despercebidos pela pequena e mais sincera.

Obrigada pelas pessoas que comentam, visitam e me mandam emails. Isso me enche demais de alegria e paz. X, Mon.

You Might Also Like

8 Comentários

  1. Parabéns pela plateia, flor! (olhaeuaqui! haha)
    Vou conferir o seu novo blog o/
    Beijinhos

    Am
    http://www.vinteepoucos.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Também já me sente e pra dizer a verdade, ainda me sinto. Eu já escrevia textos bem antes de ter criado o blog, mas foi o meu irmão que me falou sobre "esse diário online". Comecei a postar meus textos nele, e de certa forma queria saber a opinião das pessoas sobre ele, também não quero um grande público ou chegar a ter grandes regalias com ele, afinal os textos fazem parte de mim e mesmo não tenho uma grande plateia, ainda fico feliz por compartilhar com poucas pessoas e que estas são sinceras comigo e com o que penso.

    Gosto muito do seu blog pela fato de expor textos sinceros, no qual me identifico muito, expondo sua opinião em diversos assuntos. Isso é bacana, e uma dica, nunca se desanime pelo pouco público, afinal eles são os mais sinceros.

    Agora vou conferir o o blog seu e da sua irmã :D
    beijos flor sz

    ResponderExcluir
  3. Ótimo texto! Acho que todo blogueiro/blogueira inciante deveria ver, porque se comparar com os blogs mais famosos e que tem mais bagagem é inevitável. Uma coisa que eu aprendi com o teu texto (muito obrigada) é que o negócio é fazer com vontade o seu blog, sem ficar preocupado com quantos comentários recebeu ou quantas visualizações ganhou. Fazer porque você gosta é a melhor coisa que tem.

    Você escreve muito bem (:

    Beijos,

    Mari

    ResponderExcluir
  4. Parabéns pelo blog!
    http://wardrobeofgirl.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Obrigada pelos lindos comentários meninas, vocês são lindas demais!!

    ResponderExcluir
  6. Oba mais um blog cheio de coisa boa!!!

    bj

    Leandra - http://cherryboomshop.com/

    ResponderExcluir
  7. Acho que todo mundo quer ter uma pequena e sincera plateia, aquelas pessoas que leem o que escrevemos porque gostam.
    Vou visitar seu blog novo :3

    xoxo
    http://www.chovendoalgodaodoce.com

    ResponderExcluir
  8. Mas é verdade. Voce nao é a única a pensar dessa forma; eu vejo essses blogs mais conhecidos e sempre penso " cara, como é que eles chegaram nisso ?" mas acho que é assim , começando aos poucos, sem atropelar os degraus ... quem é dedicado sempre consegue o que quer :) Eu adorei sua forma de escrever :)
    Escrever também é uma das minhas paixoes e eu adoro encontrar novos escritore spor aqui :0
    bjs
    http://naquelemomentoeujuro.blogspot.com.br/2012/11/vai-pro-livro-infancia-mala-por-fim.html
    amanda

    ResponderExcluir

FALA MEMO!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Escrevo aqui também

Subscribe