Vem pra cá

23:16


Hoje a noite eu não consegui dormir. Fiquei ali, a te olhar, escutando sua respiração. Ah... Se alguma vez me houver dúvidas, irei observa-lo dormir. Poderia fazê-lo sempre. E é incrível como tudo em você por mais simples que possa ser me encanta. Se é quando sua pele se arrepia se o lençol percorre suas costas quando vou cobri-lo. Ou de quando eu me colo em você, no seu corpo quente. Como um choque térmico em mim, tão gelada. Me levanto porque sei que vou acabar te acordando. Vou para varanda, e fico ali deitada na rede. Isso de olhar o céu, contar estrelas nunca fez parte de mim. Mas o que estou dizendo? Não me reconheço. Percebe? É seu feitiço sobre mim. Você foi me ganhando enquanto mais eu lutava aqui dentro pra sair perdendo. E quer saber? Cansei. É, cansei mesmo. Cansei de ficar me vigiando, de negar sentimentos, cansei de sentir medo. De não retribuir, não me permitir sentir o prazer. Se não der certo eu continuarei com nosso álbum de fotos, continuarei a viver com uma história a mais. A perseguir meu caminho. Quero me jogar daqui, me jogar para seu mundo, apenas.


Vamos viver tudo que tiver pra viver. Vamos sair loucos por ai. 
Vamos nos apaixonar todo dia. E no dia seguinte vamos nos amar. 
Vem pra cá. Vem. 

You Might Also Like

0 Comentários

FALA MEMO!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Escrevo aqui também

Subscribe