Nostálgico Problemático

17:11

Odeio porque amo essa nostalgia de você que insiste em me perseguir. É tão intenso que é como se fosse possível viver aqueles momentos outra vez. Tão bom e tão marcante... Bom mesmo seria se pudéssemos mudar nossas ações, e pensar nessa possibilidade me sangra. Garranchos em linhas tortas. Somos nós, nossa história, da forma em que foi projetada. Hoje não tenho você pra compartilhar meus vinhos baratos. E sabe amor, perdi as contas de vezes que me queimei com pontas de cigarro enquanto minha mente vivia na máquina do tempo insanamente. É, voltei a fumar constantemente, afinal não há ninguém para pedir-me que não fume. Não há mais você, nós, não há ninguém. Meus romances agora moram empoeirados na cabeceira da cama que um dia nos pertenceu. Incrível como me apeguei sem ao menos querer a você. Incrível a falta que uma alma me faz. Mas, talvez, não seja possível voltar no tempo para mudarmos as ações por isso. Porque talvez se não fosse da forma mais errada, não teria dado certo um dia. Ao menos um dia.

You Might Also Like

2 Comentários

  1. Assim, esse é um texto que se realístico dá uma idéia de uma mulher escrevendo... uma mulher de de um pouco mais de "19" anos...

    Se foi inventado também não deixaria de te dar o mérito por grande criatividade...

    De qualquer forma gostei keep going!

    ResponderExcluir
  2. Meus 19 anos foram bem vividos, hein? :)
    Bom, eu apenas escrevo. Não me prendo muito em querer mostrar ser escrito por uma adolescente ou uma mulher madura. A inspiração simplesmente vem e eu só faço escrever por ela. Me entende?

    Obrigada pelo comentário e não me abandone hein! beijo

    ResponderExcluir

FALA MEMO!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Escrevo aqui também

Subscribe