Alma Gêmea

18:23

É que sempre vai ser assim na minha lembrança. Uma tarde em um lugar que se pode ver nitidamente a cidade, o homem mais cobiçado do bairro, um par de olhos verdes - que por sinal me constrangem - acompanhado por um sorriso tímido e aquela voz de menino-homem. Pelo pouco que me lembro, me dizia algo assim, porém com palavras mais simples: - "Grava esse dia, sob o crepúsculo e algumas estrelas". A partir daí sinto uma mão tocando levemente a minha cintura - o que faz muito efeito - e a outra, no mesmo ritmo, pressionava minha nuca - pronto, me ganhou!.
Senti seu beijo leve, senti seu corpo quente junto ao meu corpo frio que insisto em não deixar derreter; até escutar um sussurro me paralisar, juntamente com um sorriso tímido: Quer namorar comigo?. Gaguejei. Tremi. Ri sem graça. Corei. Tremi mais, e gaguejando conseguir pedir pra que me jogasse de lá de tão envergonhada, e com todo meu coração disse: Sim ... Se quer saber, adoro essa nostalgia que causa em mim, é tão intensa e me faz tão bem, que posso me sentir exatamente como me senti nesse dia, apesar de tanto tempo.

Decorei cenário, falas, personagens e vilões dessa longa história. Por mais falha que possa ser minha memória, jamais seria capaz de esquecê-la.

___
Esse simples texto eu tinha feito há algum tempo pra você, ex-namorado. Alma Gêmea, pois foi assim que começou nossa amizade, daquelas de mandar sms e ligar todo dia. E assim, nas vésperas do ano novo que eu percebi que estava perdidamente apaixonada por você. Aproveito para me desculpar de toda magoa que causei. Não esquece de mim. Te amo muito mais como amiga, que tudo. Sempre. 


Sua ex, amiga e companheira. Mônica.
___

You Might Also Like

5 Comentários

  1. Simplesmente perfeito Mônica,estou amando seus textos ... !

    ResponderExcluir
  2. Lembro de tudo como se fosse Hoje .

    ResponderExcluir

FALA MEMO!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Escrevo aqui também

Subscribe